Argumento, poema de Carmen Silvia Presotto

ARGUMENTO

404027_467371426629423_1334614311_n

Frio, arrepio, vento na barriga, gelo nos ossos
o medo?
– concreto, era o tempo em que eu crescia

preciso alicerce foste tu o meu tormento…
hoje sei, tu não eras apenas um pronome, era m/eu crescendo…

Carmen Silvia Presotto – Vidráguas ( conversando com Teresinha Cardoso Cardoso, poemethos que nascem no grupo Vidráguas, onde lemos, trocamos, erramos, acertamos, melhoramos, exercitamos o fazer poético, entre palavras estamos…).

A Arte pesquei lá no mural de Luiza Maciel Nogueira

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Untitled Document
Home | PhotoPoemas | Clube de Leituras | Projeto Vidráguas | Publicações | YouTube | Contato

Tivemos 9.981.603 visitas desde 14/01/2009
Todos os direitos reservados. Copyright ©
Analista de Sistemas Rúbia Formigheri

Rua Francisco Ferrer, 441/507.
Rio Branco - Porto Alegre / RS
Telefone (51) 3392 3727