O poder da licença poética por Tânia Du Bois

O poder da LICENÇA POÉTICA por Tânia Du Bois “quem sabe quanto é estranho / riscar em linguagem // um amor que se quer significa: / apenas é, age?…” (Alberto Martins) O ponto de partida é o mesmo, tudo influencia o escritor a se inspirar e, assim, muitas vezes, usa da licença poética como recurso, assim em Benedito Cesar Silva: “Da métrica refeita, / Da rima imperfeita / Um bom papo com os amigos”. Licença poética nada mais é do que “a liberdade que toma o poeta, às vezes, de desprezar as normas da gramática para sacrificar a versificação”. Na literatura é utilizada como “adorno”, dando poder à palavra e significado à expressão, pois, nenhum escritor pode realizar seu potencial, sem ser livre. João Carlos Meireles Filho...

Leia Mais
Untitled Document
Home | PhotoPoemas | Clube de Leituras | Projeto Vidráguas | Publicações | YouTube | Contato

Tivemos 10.144.452 visitas desde 14/01/2009
Todos os direitos reservados. Copyright ©
Analista de Sistemas Rúbia Formigheri

Rua Francisco Ferrer, 441/507.
Rio Branco - Porto Alegre / RS
Telefone (51) 3392 3727